Notícias


Com corte na duplicação da BR-470, governo federal dá as costas para o Vale

Postado em: 06/06/2018

Rene Muller, divulgação


O deputado Jean Kuhlmann utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, dia 06, para cobrar do governo federal a atenção devida à Santa Catarina e, especificamente, ao Vale do Itajaí.
O motivo foi o corte R$ 23,9 milhões dos recursos destinados à duplicação da BR-470, que serão transferidos para obras em outros estados. “O governo federal virou as costas para o Vale do Itajaí”, criticou o parlamentar, destacando números para mostrar o descaso com a região.
Ele lembrou que a BR-470 foi projetada para o tráfego diário de seis mil veículos, mas hoje o movimento passa de de 35 mil veículos/dia. A duplicação custaria R$ 1,5 bilhão, mas só a arrecadação do Vale é em torno de R$ 27 milhões por dia. “Em 56 dias, poderíamos pagar toda a duplicação, só com o que pagamos de imposto”, lembrou.
O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) defende que R$ 400 milhões seriam suficiente para que a obra andasse em um ritmo aceitável. “Recebemos R$ 145 milhões para os trabalhos, e com esse corte de R$ 22 mi, ficamos nos R$ 123 milhões. É muito pouco para uma melhoria tão importante”, destacou.