Notícias


Governador autoriza início das obras no primeiro trecho do Prolongamento da Via Expressa de Blumenau, entre a BR-470 e Rua Gustavo Scharf

Postado em: 22/02/2016

Foto: Divulgação


O governador Raimundo Colombo recebeu na tarde de segunda-feira (dia 22) comitiva de empresários e lideranças do Vale para tratar de melhorias na infraestrutura do Aeroporto Regional de Blumenau. Na ocasião, Colombo também assinou a autorização para início das obras de 1,7 quilômetro do Prolongamento da Via Expressa (SC-108), principal obra viária estadual projetada para o município.

Considerado fundamental para o desenvolvimento da cidade, o Prolongamento ligará o atual trecho da Via Expressa, que hoje termina na BR-470, até a SC-108, nas proximidades do posto da Polícia Rodoviária Estadual, no pé da Serra da Vila Itoupava.

"Vencido o processo burocrático para garantir o licenciamento ambiental, e com a permissão de vários proprietários de terrenos que serão desapropriados, o governador pode finalmente autorizar o início das obras", destacou o deputado Jean Kuhlmann, que acompanhou a audiência.

O governo catarinense irá investir mais de R$ 200 milhões na realização do Prolongamento, que terá extensão de 15,6 quilômetros.

Aeroporto

Maurício Rutzen, gerente administrativo do Aeroclube de Blumenau, detalhou ao governador as três principais demandas para melhorias na infraestrutura: o corte de árvores nas imediações do aeroporto, o reforço na cerca que contorna a pista e o projeto para implantação de iluminação noturna.

Resolvidas as demandas, seria possível operar a estrutura como um aeroporto executivo para voos particulares, bem como voos emergenciais, de salvamento e atendimento na área da saúde. O governador determinou a elaboração de um projeto pela Secretaria de Estado da Infraestrutura para atender às demandas apresentadas. As melhorias deverão ser realizadas em parceria com a prefeitura de Blumenau.

Os secretários de Estado da Infraestrutura, João Carlos Ecker, da Saúde, João Paulo Kleinübing, e o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Blumenau, Cassio de Quadros, também participaram da audiência.